“Verdeazul”, mostra individual da artista paranaense Dulce Osinski, é prorrogada até 19 de setembro
18/08/2021 - 14:49

A mostra individual da artista paranaense Dulce Osinski, “Verdeazul” abrange a produção mais recente da artista, reunindo pinturas, gravuras e aquarelas produzidas entre 2008 e 2021. Muitas das obras são pensadas como instalações e se relacionam com o espaço expositivo de formas diversas. A artista  investiga ali uma das grandes utopias da modernidade: a natureza.

Para quem ainda não teve a oportunidade de visitar, ainda há tempo. A exposição, que conta com a curadoria de Benedito Costa Neto, foi prorrogada até o dia 19 de setembro de 2021. Montada na sala 09 do MAC-PR no Museu Oscar Niemeyer, em razão das reformas na sede do MAC, visitantes podem conferir exposições dos dois museus com apenas um ingresso único. As entradas são vendidas na bilheteria do MON. 

Obras de Dulce Osinski na Sala Adalice Araújo - O MAC Paraná também conta com uma sala expositiva no hall da Superintendência da Cultura do Paraná, um lindo edifício histórico no coração do centro de Curitiba. 

De portas abertas para a visitação gratuita do público, a Sala Adalice Araújo, que homenageia a maior crítica e pesquisadora de arte do Paraná, recebe atualmente uma mostra paralela de obras de Dulce Osinski, que integram o acervo do museu. Que tal conhecer o edifício e ainda visitar a mostra, de graça? Se estiver pelo centro, não deixe de dar uma passadinha. 

Sobre a artista - Dulce Osinski nasceu em Irati, PR, em 1962. É formada em Pintura pela Escola de Música e Belas Artes do Paraná, com pós-graduação na Academia de Belas Artes de Cracóvia, Polônia, Mestrado e Doutorado em Educação pela Universidade Federal do Paraná, onde atua como docente. Realizou diversas exposições individuais e coletivas em museus e centros culturais no país e no exterior, destacando-se as realizadas na Bolívia, Estados Unidos, Alemanha, Polônia, Japão, Portugal, Uruguai, Suécia, França e Eslovênia. Dentre os principais prêmios conquistados, destacam-se os da VIII Mostra do Desenho Brasileiro, 47° Salão Paranaense, X Mostra da Gravura- Cidade de Curitiba, e 1ª Bienal Nacional de Gravuras de São José dos Campos.

Possui obras em acervos de museus e instituições no Brasil e exterior, como a Australian National Gallery de Camberra, Austrália, o Museu de Majdanek, na Polônia, o Museu Oscar Niemeyer e o Museu de Arte Contemporânea do Paraná, ambos em Curitiba.
 
SERVIÇO

MAC no MON: salas 08 e 09
Rua Marechal Hermes, 999 - Centro Cívico (Curitiba). 
Terça a domingo, das 10h às 19h. Entrada: R$ 20,00 e R$ 10,00 (meia-entrada)


Sala Adalice Araújo 
Piso térreo do edifício da Superintendência de Cultura. Rua Ébano Pereira, número 240 - Centro (Curitiba).
Visitação: de segunda a sexta, das 8h às 12h e de 13h30 às 18h. Entrada gratuita. 

Últimas Notícias